PMTL - Abril 2019

Grupo agride PMs em frente a tabacaria e quase tomba viatura

Facebook Twitter

Grupo agride PMs em frente a tabacaria e quase tomba viatura

Uma confusão na saída de uma tabacaria, no bairro Amambai, em Campo Grande, acabou em agressões a Polícia Militar, durante a madrugada deste sábado (13). Militares tiveram fardas rasgadas por integrantes do grupo.

A confusão teria começado quando os policiais receberam a informação de um motorista de aplicativo sobre um passageiro, que ele havia deixado na região central, e suspeitava que o homem estava armado. A polícia, em um veículo descaracterizado, não encontrou o autor no endereço.

Quando o militar voltava para a viatura, um grupo cercou o carro e tentou tombar a viatura com os militares dentro, “Vamos quebrar eles”. Os policiais se identificaram, mas os autores enfurecidos ainda tiraram o rádio transmissor de dentro da viatura. Neste momento, um homem de muletas suspeito de espancar um mecânico de 30 anos, que estava caído com vários ferimentos na cabeça, começou a agredir um dos policiais acertando um soco na sua boca.

Garrafas também foram jogadas contra os policiais, que tiveram as fardas rasgadas por parte do grupo de autores, entre eles uma mulher que desferiu tapas e rasgou a camisa de outro militar. Aos gritos ela dizia, “bando de filhas da p*, polícia de merda”. Ela foi colocada dentro da viatura, assim como, o autor de muletas que agrediu tanto os policiais como o mecânico, que teve vários ferimentos na cabeça sendo levado em estado grave para a Santa Casa.

O mecânico foi encontrado por um grupo desacordado após ser espancado, pelo homem de muletas. Quando a polícia chegou ao local teve início a confusão e reforço teve de ser pedido para conter o grupo.
Mais notícias
AEMS - Novembro 2018

Compartilhe e faça seu comentário