PMTL - ouvidoria - 21 a 31/01

Justiça marca primeira audiência de julgamento da advogada de MS acusada de aplicar golpe milionário

Facebook Twitter

Reprodução

Justiça marca primeira audiência de julgamento da advogada de MS acusada de aplicar golpe milionário

A Justiça marcou para o dia 30 de janeiro a primeira audiência de julgamento da advogada de Campo Grande, e de outras três pessoas, acusadas de aplicar um golpe milionário em um aposentado do Rio de Janeiro.

Emmanuelle Alves Ferreira da Silva foi detida em julho de 2018. No entanto, a prisão foi convertida em domiciliar, e na sequência, ela passou a responder o processo em liberdade com uso de tornozeleira eletrônica. Mudança concedida pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Segundo denúncia do Ministério Público, a advogada, que é mulher de um juiz da capital, e outras três pessoas inventaram uma dívida referente a negociação de uma fazenda e entraram com ação de cobrança na Justiça contra o idoso.

Ele teve mais de R$ 5 milhões retirados da conta e o dinheiro foi repassado para Emmanuelle. Após o inquérito policial, ela devolveu o valor. A defesa da advogada diz que ela não participou da elaboração do golpe e que ainda teria sido enganada com documentos falsos apresentados por clientes.
Nico Cabeleireiro
Susano

Compartilhe e faça seu comentário