PMTL - IPTU 11/03 a 20/03

No ranking de maiores produtores agrícolas, municípios são também recordistas em safra de soja

Facebook Twitter

Reprodução

No ranking de maiores produtores agrícolas, municípios são também recordistas em safra de soja

Maiores produtores agrícolas em Mato Grosso do Sul, os municípios de Maracaju e Ponta Porã produziram juntos nas safras de 2016/2017, 9,9 milhões de toneladas de cana de açúcar e mais de 3 milhões de toneladas de soja. Quando Mato Grosso do Sul teve a maior colheita de soja já registrada na história, também na safra de 2016/2017, ambas cidades foram as recordistas em produção, conforme a Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja).

Maracaju e Ponta Porã integram a lista dos 100 maiores produtores do agronegócio no país, sendo Maracaju considerada a maior produtora de soja do Estado, além de agregar outros cultivos, como milho e cana de açúcar.

Na cultura de milho, as duas cidades ainda somaram 1,6 milhão de tonelada, com destaque para Ponta Porã, fronteira com o Paraguai, responsável por grande parte dessa produção – 1,1 milhão de tonelada.

Rio Brilhante e Nova Alvorada do Sul

No mesmo ranking publicado pelo Ministério da Agricultura outros dois municípios do Estado, além estarem na lista dos 100 maiores produtores,  se destacam pela capacidade de crescimento econômico devido ao agronegócio. Conforme dados do Ministério da Agricultura,  Rio Brilhante e Nova Alvorada do Sul foram as cidades produtoras agrícolas que mais cresceram em Mato Grosso do Sul entre 2014 e 2016. Nesse mesmo período, Rio Brilhante  alcançou um crescimento econômico de 22,18%, quando a safra de cana de açúcar somou 20,5 milhões de toneladas (5,7 milhões em 2014; 6,3 milhões em 2015; e 8,5 milhões em 2016)

Já na cidade de Nova Alvorada do Sul a porcentagem de crescimento foi ainda maior, 25,61%. De 2014 a 2016 a cidade produziu 16,4 milhões de toneladas de cana de açúcar.  Os resultados, excelentes para o produtor rural, beneficia o Estado economicamente devido a arrecadação.

Segundo a matéria do Mapa, dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) referentes ao PIB Municipal de mais de 5 mil municípios mostram forte crescimento nas principais regiões agrícolas. Ao menos 82% dos municípios brasileiros, classificados como os maiores produtores do agronegócio, tiveram crescimento nominal superior à taxa anual do PIB do país que foi de 4,4% entre 2014 e 2016.
Nico Cabeleireiro
Susano - Março

Compartilhe e faça seu comentário