PMTL - REFIS - 18/10 a 01/11

Sem acordo com prefeito, servidores optam por estado de greve

Facebook Twitter

Foto - Divulgação

Sem acordo com prefeito, servidores optam por estado de greve

Assembléia Geral

Em Assembleia Geral realizada nesta sexta-feira (08), na Câmara Municipal mais uma vez lotada, os Servidores decidiram, em virtude da decisão do Prefeito de por fim ao Acordo Coletivo de forma unilateral, sem disposição para o diálogo, DELIBERAR pela instauração do ESTADO DE GREVE dos Servidores Públicos, exceção aos da Rede Municipal de Educação, no âmbito da PMTL!

Também deliberaram pela REJEIÇÃO a este PL 50 e, neste sentido, exigem a sua RETIRADA do REGIME DE URGÊNCIA de votação, para que possamos retomar as tratativas do Acordo Coletivo com o Prefeito Municipal.

"Desta forma, decidimos que vamos participar da sessão da Câmara Municipal, marcada excepcionalmente para esta segunda-feira (11), às 9h00, para acompanharmos o voto de cada vereador/a, lembrando que na sessão do dia 05/06, quase todos se manifestaram a favor da luta dos Servidores por melhores salários, reconhecimento e valorização", disse a direção do SSPM em publicação na rede social facebook.
Nico Cabeleireiro

Compartilhe e faça seu comentário